por favor, sorri.

por favor, sorri.

porque sempre que isso acontece,
o calor do teu sol me aquece,
e velhos versos guardados,
se abraçam em poemas alados
que partem, ganhando o mundo,
levando o amor mais profundo
que alguém já pode sentir.

por favor, sorri.

porque toda vez que sorris,
eu escuto a voz que me diz
pra eu falar o que estava engasgado
que, se é correto ou errado,
mais errado é tentar esconder.
só com o tempo é que vamos saber.
vou viver pra depois descobrir.

por favor, sorri.

porque sempre que te vejo sorrindo,
meu olhar se veste, mais lindo,
iluminado, em paz. e em cores.
meu deserto se enche de flores.
e quando acaba o meu dia,
é tamanha a minha alegria.
e eu também me ponho a sorrir.

por favor, sorri…

Deixe uma resposta