Papo de Anjo

Meu anjo da guarda não guarda segredos,
Me deixa dormindo e, sobre teu leito,
Te conta em sonhos meus males, meus medos,
Te faz minha dona. Me dá imperfeito.
Te traz de presente meu tempo passado.
Te mostra quem sou. Com pureza, verdade.
E, à revelia, te diz meu pecado:
Te amo. E já faz uma eternidade.

Deixe uma resposta